Diário de Viagem EUA 2016: Centro e Leste de Illinois têm lavouras de alta produtividade

Publicado em 26/08/2016 18:10 e atualizado em 06/09/2016 16:43
3544 exibições
Nesta semana o Notícias Agrícolas continua sua viagem pelo Meio Oeste Americano, com um novo grupo de produtores convidados pela Labhoro Corretora.

Diário de Viagem - 6º e 7º Dias (04 e 05/09)

Giramos na região de Decatur, Mattoon, Tuscola, Springfield, Bloomington e Chicago, perfazendo um total de 500 Km completando  o programa, que totalizou 3.700 km. As lavouras de milho e soja no centro e leste do estado de Illinois não diferem do restante do estado. São lavouras boas e excelentes de alta produtividade onde a colheita do milho está iniciando em pontos isolados. Acreditamos que a colheita da soja também deva iniciar mais no sul do estado, onde já tem bastantes lavoras em fase final de ciclo. No geral as safras de milho e soja são enormes e os números das empresas de consultorias estão saindo com produtividade acima de 50 BPA e milho também acima de 175. De um modo geral, o mercado aguarda que os números finais fiquem próximo disso. 

Diário de Viagem - 4º e 5º Dias (02 e 03/09)

Ginaldo de Sousa / Daniel Olivi

Saímos de Waterloo pela rodovia 63 norte, entramos em Minnesota pela Rodovia 218 norte, fomos a Rochester e viramos a direita na direção do estado de Wisconsin, entrando  no mesmo, pela cidade de La Crosse pela Rodovia 14. Daí seguimos  até Madison, onde pegamos a 39 Sul e  entramos no norte de Illinois, pernoitando em Rockford. Nesse trajeto, verificamos que o centro e o norte de Iowa, estão tão bons quanto o sul. Lavouras de altíssimo padrão, tanto no milho como na Soja, podendo ser classificados como boas/excelentes. A soja tem um porte alto, grande quantidades de vagens por pé, onde contamos uma lavoura com 125 vagens por pé, com grãos perfeitos, em tamanho e peso. Minnesota e Wisconsin o padrão das lavoras é muito bom, mas não se compara com Iowa e Illinois. O norte de Illinois está tão bom quanto o Sul do estado por onde já passamos.  De Rockford viemos até Decatur, onde as lavouras mantém um padrão ainda melhor que no sul do estado. Visitamos a  Fazenda de um amigo, o Bill Voyles que planta 9.5 MIl acres, que aliás já foi visitada pelo  grupo das mulheres há menos de 15 dias. As Lavouras dele variam de talhão para talhão, encontramos lavouras que devem colher56/59 BPA e lavouras que vão produzir 67/70 BPA, o que quer dizer que não são as melhores da região. No Milho ele deve colher uma média de 196 BPA.

Diário de Viagem - 3º Dia (01/09)

Ginaldo de Sousa / Daniel Olivi

Saímos de Troy ainda em Illinois, entramos no Missouri passando por St. Louis, pegamos a rodovia 61 norte, viramos na 36 West em Hannibal e seguimos até a 63 N, entramos em Iowa até a cidade de Waterloo.  As lavouras do Missouri são as melhores que já vi, nos últimos 7 anos pelo menos. Milho muito bom e soja de alta produtividade, guardando as proporções em relação aos estados de Illinois e Iowa, que são considerados TOP em rendimentos. Apenas observamos que para completar o ciclo da Soja, as lavouras precisam de 1 a 2 chuvas. Quando entramos em Iowa, os olhos saltam, é uma exuberância total. As lavouras simplesmente expressam a felicidade da mãe natureza e fazem sua parte trazendo alimentos ao planeta. Illinois e Iowa até aqui apresentam as melhores lavouras que já vi em toda minha vida de Crop Tour e lá se vão mais de 30 anos, sendo 25 de Labhoro. Tudo nestes dois estados, com raríssimas exceções e pontuais estão perfeitos, sem muito a revelar, apenas o capricho da mão divina expressando o seu amor pela produção de alimentos para a Humanidade.

Clique AQUI para conferir o álbum de fotos da viagem!

Diário de Viagem - 2º Dia (31/08)

Ginaldo de Sousa / Daniel Olivi

Bom dia! Saímos de Fort Wayne em Indiana pela rodovia 33 leste e entramos em Ohio, onde pegamos a rodovia 127 Sul, descendo até a 40w. Neste entroncamento pegamos a 40 W e fizemos todo o nosso trajeto basicamente pela mesma, cruzando Indiana pelo Centro Sul e Illinois onde fizemos nosso Pit Stop em Troy a 25 milhas de ST Louis.

Em Ohio verificamos que as lavouras estão boas e similares as do Norte e centro de Indiana, boas, regulares e muito boas. Mas volto a repetir, já vi lavouras melhores nestes estados  em anos anteriores. Mas sem dúvida é uma grande safra.

Lavouras de milho na região de Eldorado/OHLavouras de milho na região de Eldorado/OHLavouras de soja na região de Eldorado/OHLavouras de soja na região de Eldorado/OHLavouras de soja na região de Eldorado/OH

Quando entramos em Illinois, o padrão muda, as lavouras estão muito boas, muito boas e excelentes, sem muito a comentar, a mãe natureza colaborou em todos os sentidos.

Entrevistamos um produtor próximo a Marttinsville, que ironicamente nos falou que as lavouras estes não estão muito boas, que choveu de mais e vai colher 80 BPA (quase 90 sacas/ha). Demos gargalhadas. Realmente as lavouras dele, estão com uma super carga e é um safrão, mas não creio que alcance os 80 Bushels que ironicamente acha pouco. CBOT um pouco melhor, soja 4 de alta, milho 2 e trigo 4.

Soja em Greenup - IL - EUASoja em Greenup - IL - EUASoja em Greenup - IL - EUA

 

Diário de Viagem - 1º Dia (30/08)

Daniel Olivi

Nosso grupo chegou a Chicago nos EUA nesta terça-feira (30) por volta das 7h30 horário local. Partimos em direção a Fort Wayne a segunda cidade mais populosa no estado de Indiana. No percurso de mais de 300 km, paramos para conferir o real potencial das lavouras americanas de milho e soja. Dê só uma olhada no que nós econtramos nesse trajeto: 

Lavouras de milho - Clique AQUI para conferir as principais imagens!

Tour EUA Labhoro - Lavouras de milho na cidade de Wanatah, em Indiana.

Lavouras de Soja - Clique AQUI para conferir as principais imagens!

Tour EUA Labhoro - Lavouras de soja em Ligonier, Indiana (EUA)

Nesta quarta-feira (31), nosso grupo segue para Ohio, estado localizado na Região Centro-Leste do país. Ohio é um dos principais pólos industriais do país, mas também importante produtor de grãos nos EUA. Mando "Notícias Agrícolas" assim que tiver novidades, até lá.

Ginaldo de Sousa

Resumo de nosso primeiro dia de Crop Tour. Saímos ontem de Chicago e logo pegamos a rodovia 30 E passando por Valparaiso, Plymouth e em seguida pegamos a 31N e algumas milhas à frente pegamos a rodovia 6 E fomos a Ligonier on viramos para o Sul pegando a 33 até Fort Wayne. O primeiro dia sempre rende pouco, viaja-se a noite inteira, avião sempre atrasa e até pegar carro, atrasa. Nossa análise sobre o dia, por onde passamos pegamos lavouras boas e ótimas  sem dúvida, mas tenho certeza que ainda não vimos o melhor milho e a melhor soja. O solo esta úmido, o milho pronto e a soja enchendo ou em fase final  para entrar na maturação. Encontramos algumas lavouras de soja amarelando. Choveu na região de um modo geral e com isso só podemos esperar uma grande safra em Indiana. O milho especificamente não é o melhor que já vi no estado, mas nada para se reclamar. Percebe-se claramente que a apesar das grandes espigas ela têm irregularidades, como por exemplo a ponta não teve um enchimento perfeito, mas faltou algum nutriente, é muito provavelmente um pouco de chuva na polinização.  Encontramos soja de vários portes e variedades. Os grãos verdes na vagem estão perfeitos e em excelente tamanho, o que significa, bom desenvolvimento, boa floração e formação da vagem. Estamos saindo pela 33 em direção a Ohio e depois vamos descer pela rodovia 127 sul, passando em Mercer até a rodovia 40, para pegarmos para o West.  Tempo chuvoso e fechado. Um ótimo dia.

Notícias Agrícolas vai aos EUA e quer a sua participação

A partir da próxima terça-feira (30) , mais uma equipe do Notícias Agrícolas estará com um grupo de produtores brasileiros e a Labhoro Corretora, visitando as lavouras de grãos no Meio Oeste Americano. Ginaldo de Souza , da Labhoro, corretora pioneira no trabalho de acompanhamento de safra nos EUA,  lidera a comitiva que vai observar in loco a situação da safra americana. O Notícias Agrícolas estará presente na viagem, representado pelo diretor do site, Daniel Olivi.

Nesta viagem, o grupo irá passar por alguns estados como Illinois, Indiana, Ohio, Missouri, Iowa e Nebraska. No entanto, essa missão possui uma programação bastante elástica, estando assim aberta à colaboração dos produtores, que podem enviar suas perguntas e curiosidades por meio do Fala Produtor ou do WhatsApp do Notícias Agrícolas, que acompanhará diariamente essa missão no site. " A ideia é promover uma espécie de reality show do agro, com entradas ao vivo e a interação do produtor brasileiro", ressalta Daniel Olivi.

O Notícias Agrícolas irá transmitir entrevistas ao vivo com produtores e pessoas que possuem grande influência e conhecimento sobre a safra americana.

Serão cerca de 4 a 5 mil quilômetros percorridos em 6 dias, passando por visitas a produtores, corretoras, conhecendo maquinários, fazendas, sempre observando aquilo que possui mais importância para detalhar a situação da safra americana.

Safra de grãos EUA 16/17 - Crop Tour Daniel - Usar na matéria

Envie sua pergunta para a missão da Labhoro por meio do Fala Produtor ou do nosso Whatsapp: (19) 98269-4178. Participe e ajude a montar o roteiro dessa viagem que pretende registrar o segredo desse aparente sucesso da safra de grãos nos EUA na temporada que está começando.

Assista a entrevista com o diretor da Labhoro Corretora, Ginaldo de Souza, clique aqui

Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Andrea Cordeiro Curitiba - PR

    Daniel Olivi, voltamos dos EUA e nesses 10 dias que o nosso grupo de Mulheres visitou as lavouras de soja e milho, comentei com as minhas colegas de viagem e com o nosso pessoal na Labhoro sobre a qualidade das lavouras! Costumo viajar aos EUA em agosto desde 2003 e há 8 anos eu coordeno um grupo de mulheres ligadas ao agro. Nunca havia presenciado lavouras de tanta qualidade quanto as desse ano! Alem das áreas maiores e tecnologia de ponta, o clima mesmo não perfeito foi ate agora fundamental para fazer dessa uma SUPER SAFRA! Fiquei impressionada com o porte das lavouras de soja e milho! vocês passarão por estados que nosso grupo mulheres não passou! Nosso roteiro totalizou 2 mil quilômetros apenas e o de vocês, conhecendo com acho que conheço o meu querido Ginaldo, tenho certeza que não será inferior a 4 mil quilômetros. Vocês devem percorrer estados que nós não percorremos, e que durante Julho não receberam as chuvas que Illinois, Iowa e Missouri receberam ! vamos acompanhar aqui cada boletim de vocês! Essas informações certamente complementarão nosso Crop Tour! Boa sorte ! Sucesso!

    0