Em meio a cheia, criadores do Pantanal pedem uma segunda prorrogação de prazo de vacinação contra a aftosa

Publicado em 14/06/2018 14:21
36 exibições

Em meio a cheia do Pantanal, os criadores da região pediram a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) uma segunda prorrogação do prazo de vacinação dos rebanhos bovino e bubalino contra a febre aftosa. A campanha, que inicialmente iria até esta sexta-feira, 15 de junho, foi estendida no início deste mês em mais 15 dias para todas as áreas sanitária do estado, o que levou a data limite para a imunização dos animais no Pantanal para 30 de junho.

No novo pedido, protocolado pelo Sindicato Rural de Corumbá na Iagro na semana passada, a reivindicação é de uma ampliação de mais 30 dias, levando o prazo na região para 30 de julho. O presidente da entidade, Luciano Aguilar, justifica o pedido explicando que o pico da cheia deve ocorrer somente no fim deste mês.

“As águas que vêm de Cáceres (MT) ainda não chegaram a Corumbá. Devem chegar somente no fim deste mês, que é quando a cheia vai atingir seu máximo. Então precisamos de mais tempo para vacinar nosso rebanho”, comentou o dirigente sindical, completando que a situação é embasada por estudos técnicos da Embrapa Pantanal, da Defesa Civil do município e pelo reconhecimento pelo próprio governo do estado da situação de emergência em Corumbá.

Veja a notícia na íntegra no site do G1 MS

Fonte: G1 MS

Nenhum comentário