Audiência na Câmara debate importância do censo agropecuário nesta quinta

Publicado em 25/11/2021 08:54 28 exibições

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados discute nesta quinta-feira (25) a importância do censo agropecuário.

Realizado desde 1920, esse levantamento coleta informações sobre os estabelecimentos agropecuários e as atividades agropecuárias neles desenvolvidas, abrangendo características do produtor e do estabelecimento, economia e emprego no meio rural, pecuária, lavoura e agroindústria.

"O Censo Agropecuário é o principal e mais completo levantamento sobre
a estrutura e a produção da agricultura e da pecuária brasileiras", afirma o deputado Carlos Veras (PT-PE), que pediu a realização da audiência.

Ele explica que os resultados do levantamento, de âmbito nacional, servem de base aos estudos, análises e projeções sobre o setor agropecuário, "constituindo a maior fonte de informações a auxiliar os diversos níveis de governo (federal, estadual e municipal) na elaboração e acompanhamento de políticas públicas, aperfeiçoando cada vez mais o processo de alocação de recursos públicos".

A audiência será realizada no plenário 13, a partir das 10 horas, e ouvirá, entre outros:
- o representante da Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais e Agricultores e Agricultoras Familiares (Contag) Arnaldo Brito;
- o coordenador de Agropecuária da Diretoria de Pesquisas do IBGE, Octavio Costa de Oliveira;
- um representante do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra);
- a representante do Movimento dos Sem-Terra (MST) Antônia Ivoneide; e
- o representante do Movimentos dos Pequenos Agricultores (MPA) Gerson Borges.

Participação popular
Os interessados poderão acompanhar o debate, ao vivo, pelo portal e-Democracia, inclusive enviando perguntas, críticas e sugestões aos convidados.

Tags:
Fonte:
Agência Câmara

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário