Churrascos em frente a agências do Banco Bradesco marcam protestos e indignação de pecuaristas em todo Brasil

Publicado em 03/01/2022 19:02 e atualizado em 03/01/2022 21:30 675 exibições
Manifestações se deram depois da instituição trazer uma campanha incentivando o movimento 'Segunda Sem Carne' como forma de reduzir impacto ambiental

Logotipo Notícias Agrícolas

Pecuaristas de diversos estados realizaram protestos em frente à agências do Banco Bradesco, nesta segunda-feira (3), depois da ação de marketing do banco incentivando o movimento "segunda sem carne" em suas redes sociais, alegando que esta poderia ser uma ação mitigadora dos efeitos da emissão de carbono. 

As manifestações foram churrascos organizados pelos produtores rurais não só defendendo o consumo de carne bovina, como também promovendo conhecimento sobre a atividade, principalmente sua sustentabilidade. Milhares de espetinhos foram distribuídos gratuitamente. 

Movimentos foram registrados nos estados de Mato Grosso, Goiás, Pará, Tocantins e São Paulo. As imagens a seguir são da manifestação em Cuiabá e foram compartilhadas no perfil NeloreMT, no Instagram:

WhatsApp Image 2022-01-03 at 20.56.50

WhatsApp Image 2022-01-03 at 20.56.50 (1)

WhatsApp Image 2022-01-03 at 20.56.50 (2)

WhatsApp Image 2022-01-03 at 20.56.50 (3)
Foto: NeloreMT/Instagram

Logo na sequência da divulgação do vídeo, o Bradesco divulgou uma carta aberta ao agronegócio brasileiro se desculpando e reforçando sua parceria com o setor. Ainda assim, o setor segue mostrando seu descontentamento com a instituição. Veja a carta na íntegra:

"Ao longo de seus quase 79 anos de história o Bradesco apoiou de forma plena o segmento do agronegócio brasileiro, estabelecendo parcerias sólidas e produtivas.

Tal opção é baseada em sua crença indelével nesse segmento enquanto vetor de desenvolvimento social e econômico do país.

Contudo, nos últimos dias lamentavelmente vimos uma posição descabida de influenciadores digitais em relação ao consumo de carne de origem animal, associada à nossa marca.

Importante dizer que tal posição não representa a visão desta casa em relação ao consumo de proteína animal.

Pelo contrário.

O Bradesco acredita e promove direta e indiretamente a pecuária brasileira e por conseguinte amplifica o consumo de carne de origem animal.

Diante do ocorrido, medidas foram imediatamente tomadas incluindo a remoção do conteúdo de ambiente público, e, além disso, ações administrativas internas severas.

Dessa forma, lamentamos o ocorrido e reforçamos mais uma vez nossa crença irrestrita na pecuária brasileira.

Cordialmente,
Banco Bradesco"

Tags:
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário