Análise do mercado de farinhas de trigo

Publicado em 20/04/2010 09:50 473 exibições
Continuam os pedidos de programação
A semana começa com alguns moinhos pedindo programação para maio, embora os preços não tenham mudado muito. Isto significa que a necessidade está do lado dos compradores e eles tentam calibrar os preços. A farinha comum com mais de 1% de cinzas tem dois preços: a) à vista CIF Sorocaba a R$ 25,00 pagto contra entrega; e b) a 35 dias CIF São Paulo a R$ 28,00. A farinha comum com 0,80% de cinzas tem preços entre R$ 30,00 e R$ 31,00 CIF São Paulo. A farinha inteira tem comprador a R$34,00 e vendedor a R$ 35,00; a farinha especial tem comprador a R$c 43,00 e vendedor a R$44,00, embora haja comprador que afirma ter comprado a R$ 42,00. O restante está igual ao dia anterior.

Bunge lança nova farinha, apoiada pela ABIP

Com o objetivo de padronizar e melhorar a qualidade do pão francês no Brasil, a ABIP–Associação Brasileira da Indústria da Panificação e Confeitaria e o SIPCEP–Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria no Estado do Paraná apoiam o lançamento da Farinha de Trigo Suprema Especial para Pão Francês, desenvolvida pela Bunge Alimentos.
Após seis meses de testes e um grande investimento em tecnologia e inovação, chega ao mercado uma farinha especial, que além de ferro e ácido fólico, conta com ingredientes diferenciados que aumentam a qualidade do produto final. Para Giovani Pereira, da ABIP, a preferência pelo pão de forma vem crescendo, ocasionando uma diminuição na frequência dos consumidores nas padarias. “O pão francês ainda é o âncora das padarias, mas vem perdendo espaço para outros pães e esta era uma das grandes preocupações da associação, que vê neste novo lançamento uma forma de atrair novamente os consumidores, disponibilizando um pão padronizado e de qualidade ainda maior”, diz.
A nova farinha chega ao mercado em uma embalagem diferenciada, com a chancela da ABIP, estampada em um selo que faz referência ao “Autêntico Pão Francês”, este produto é destinado exclusivamente aos empresários de panificação.

Confira a análise completa: trigoefarinhas_1904.pdf

Tags:
Fonte:
Trigo & Farinhas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário