Análise do mercado de farinhas de trigo

Publicado em 08/07/2010 13:14 219 exibições
Compradores fugindo. Notícias de concordata de importante indústria
Os compradores de farinhas estão fugindo dos vendedores. Não estão atendendo telefone, nem retornando as ligações. Isto pode significar várias coisas: a) estão suficientemente superabastecidos
e as vendas são apenas normais; b) estão abastecidos e a demanda não flui, não necessitando
reposição de estoques; c) mesmo que estejam com estoques curtos, as vendas não fluem, talvez
devido às férias e à falta de frio neste inverno até o momento; d) estão abastecidos, as vendas
fluem, mas eles não acreditem que continuem fluindo. Qualquer que seja o motivo o certo é que
o mercado não está nem subindo, nem caindo, mas está simplesmente parado. Por isso, os preços que apresentamos abaixo são apenas os dos últimos negócios feitos que, teoricamente, são
os vigentes nesta quarta-feira: farinha comum com 1% de cinzas à vista fecharam a R$ 25,00 no
interior de São Paulo e a prazo (30 dias) com comprador entre R$ 26,00 e R$ 27,00; farinha comum com 0,8% com comprador a R$ 29,00. Farinha inteira ou semolada com comprador ao redor de R$ 34,00. Farinha de panificação com comprador ao redor de R$ 43,50 e farinha para
massa fresca com comprador ao redor de R$ 54,00/saca de 25 quilos, CIF São Paulo, pagamento
30-35 dias.

Durante o dia, correu no mercado a informação de que uma das maiores indústrias de biscoitos
do Paraná tinha pedido recuperação judicial. Talvez esteja aí uma das explicações para a atual
situação do mercado de farinhas.

Confira a análise completa: trigoefarinhas0707.pdf

Tags:
Fonte:
Trigo&Farinhas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário