Setor de irrigação e drenagem pede secretaria especial no Ministério da Agricultura

Publicado em 07/12/2010 07:31 203 exibições
Uberaba, no Triângulo Mineiro, recebe nesta semana a 20ª edição do Congresso Nacional de Irrigação e Drenagem.  Estão sendo discutidas as novidades em agricultura irrigada e as dificuldades dos produtores para ter acesso as tecnologias. O setor quer a criação de uma secretaria especial dentro no Ministério da Agricultura.

O congresso é anual. Na ultima década, o debate ganhou força com as mudanças de conceitos que unem produção e preservação ambiental com uso racional da água. Tudo isso,  sem perder a oportunidade de aumentar a produção com eficiência. O presidente da Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem, Helvécio Saturnino, destacou os desafios dos  produtores rurais que investem no setor. A agricultura irrigada significa geração de emprego e produto de qualidade para exportação.

Os participantes do congresso concordam que a burocracia é um dos maiores desafios dos produtores. Até os técnicos têm dificuldade para atender e entender as exigências das leis vigentes sobre o uso da água.

O ex-ministro da Agricultura Alysson Paulinelli abriu o congresso traçando um histórico da produção agrícola no país. Ele destaca que não adianta esperar pelo governo, e que os produtores devem aproveitar um grande aliado da irrigação: o consumidor.

A primeira grande mudança que se espera no governo federal, para incentivar a produção irrigada, é a criação de uma secretaria especial dentro do Ministério da Agricultura. Ainda esta semana, lideranças políticas levarão uma proposta formal para o ministro Wagner Rossi.

Tags:
Fonte:
Canal Rural

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário