Cultura do milheto ganha cada vez mais espaço em Goiás

Publicado em 28/04/2011 08:20 288 exibições
Em Rio Verde, a área plantada aumentou mais de 10%. A planta que vai crescer será usada para melhorar o solo.
A máquina na fazenda de Oscimar Guimarães trabalhou sem descanso para plantar o milheto. Este ano, o produtor resolveu aumentar a área de cultivo do grão, de 205 para 340 hectares. A planta que vai crescer será usada para melhorar o solo.

Em outra propriedade no município de Rio Verde, Renê Rigodanzo escolheu plantar o grão para fazer a cobertura de uma área de 430 hectares. “O milheto, além de fornecer a palhada, a reciclagem de nutrientes do solo, ele combate uma praga, um nematoide que está prejudicando a produtividade da soja. Então você controla a erosão e aumenta a produtividade da soja também".

Além de cuidar do solo, o milheto traz outras expectativas para o produtor: a possibilidade de lucros com a comercialização do produto.

Toda a produção de milheto será vendida para uma agroindústria da região. Renê ainda não negociou o preço, já Oscimar fez diferente, já vendeu 100% da lavoura a R$ 14 a saca.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário