Nova queda entre 1,2% e 7,8% nos preços das farinhas

Publicado em 01/07/2011 09:25 459 exibições
Hoje constatamos que os preços das farinhas tiveram outra queda, motivada, como vimos anunciando, pelos altos estoques dos supermercados, das indústrias de massas e biscoitos e dos moinhos. Por conta disto os volumes negociados estão menores em cerca de 20%.

A farinha comum, com mais de 1% de cinzas, que vinha sendo9 negociada a R$ 36,00 manteve o preço, porque está escassa no mercado e tem mais demanda que oferta. Já a farinha semolada caiu 1,20% de R$ 41,50 para R$ 41,00. A farinha especial tipo A, com 0,45% de cinzas e 9,38 de cor, que estava a R$ 51,00 caiu para R$ 46,00/R$ 45,00, como vimos apontando há uma semana. A farinha de panificação, que estava a R$ 51,00, caiu 7,8% para R$ 47,00. E a farinha para massa fresca, que tinha caído de R$ 66,00 para R$ 60,00, voltou a cair mais 5% para R$ 57,00. As pré misturas também caíram: a curta caiu 2% de R$ 25,00 para R$ 24,50 e a longa caiu 1,85% de R$ 27,00 para R$ 26,50.

Um outro detalhe que nos chamou atenção foi o prazo. Não todas, mas algumas indústrias de maior porte já começam a falar em pagamento com 60 dias, co invés dos 35 tradicionais ou dos 45 alongados. É uma forma de satisfazer o vendedor e conseguir girar com o dinheiro dele. Soubemos de duas indústrias, uma de 8 mil/mês e outra de 1,2 mil toneladas/mês  de especial que pediram isto, para as compras a partir de 01 de julho. Ainda não é uma atitude “do mercado”, apenas de alguns compradores isolados. 
Tags:
Fonte:
Trigo & Farinhas

0 comentário