Quebra no milho do Paraná é de 35%, segundo levantamento do Deral

Publicado em 06/07/2011 18:19 e atualizado em 07/07/2011 11:53 695 exibições
As geadas do final de junho resultaram na queda de 35% na produção de milho safrinha e 9% na de trigo no Paraná. Segundo a Secretaria da Agricultura do Estado também foram atingidas pastagens e lavouras de café, hortaliças, frutas e mudas de mandioca.

A segunda safra do cereal estimada anteriormente em 8,12 milhões de toneladas não deve superar a marca dos 5,31 milhões, o que representa uma queda de 34,6% na produção. De acordo com Marcelo Garrido, economista do Deral (Departamento de Economia Rural), os prejuízos para os produtores são estimados em R$1,11 bilhão.

Já nas lavouras de trigo, a queda na produção foi de 8,7% com perda de 250 mil toneladas, reduzindo de 2,86 milhões para 2,61 milhões de toneladas o processamento do grão no Estado. Para os produtores, os prejuízos estão avaliados em R$ 111 milhões.

Segundo o Secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, a quebra na produção de grãos será refletida negativamente na cadeia produtiva de alimentos, principalmente na carne e no leite, que têm o milho como insumo básico. “É uma pena essa perda provocada pelo clima nesta safra 2010/11, que vinha apresentando excelente desempenho, com produtividade e preços em elevação, e disseminando otimismo entre os produtores”, afirma.

Com informações do jornal O Estado de S. Paulo

Confira no link abaixo a matéria completa no site da Secretaria de Abastecimento e Agricultura do Paraná:

>> Geadas causam quebra de 35% na safra de milho e de 9% na de trigo

Tags:
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário