Algodão: Com a retenção das exportações de algodão na Índia, o Brasil deve tornar-se o 2º maior exportador do mundo

Publicado em 22/05/2012 08:50 474 exibições
Competitivo na produção de algodão, pelo uso de altas tecnologias e investimento nas 
lavouras,  os EUA  têm a expectativa de uma  produção maior de algodão no ciclo 2012/13, serão 3,7 milhões de toneladas, permanecendo como maior exportador no mundo. Por vários fatores, como altos estoques, preço de exportação atrativo, retenção das exportações na Índia, o USDA espera que o Brasil ultrapasse a Índia e ocupe o segundo lugar nas exportações de pluma em 2013.  Isso deve acontecer apesar da queda de 12% na produção brasileira no próximo ciclo.  

A adoção de tecnologia pelos cotonicultores brasileiros, que vêm produzindo algodão com caráter empresarial, torna o Brasil cada vez mais  competitivo no setor. Ao contrário, na Índia as propriedades são familiares e produzem em pequena escala, sem investimento em mecanização e insumos. Nesse contexto, os preços da pluma estão sendo influenciados pelos altos estoques nos EUA e Brasil, e ainda pelas exportações controladas da Índia.  

Clique aqui  para ler a íntegra da análise
Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário