Algodão: Negociações seguem lentas, compradores esperam nova safra

Publicado em 12/06/2013 12:53 641 exibições

A expectativa de menor área plantada nos Estados Unidos, a maior demanda pela pluma, os menores estoques da safra norte-americana 2012/13 e o aumento das exportações daquele país impulsionaram os preços externos do algodão em pluma. Já no Brasil, as cotações têm caído dia após dia, mas com pequena intensidade, devido à fraca demanda pela pluma. A maior parte dos compradores espera a entrada efetiva do produto da nova safra. De acordo com pesquisadores do Cepea, outro motivo para o desinteresse pela pluma nacional disponível (safra 2011/12) é que a maior parte tem qualidade abaixo da desejada por muitos compradores. Nesse cenário, o ritmo de negócios é lento. No lado vendedor, tanto produtores quanto comerciantes têm sido mais flexíveis nos preços pedidos, mas não atraem o interesse de indústrias, que estão aproveitando ao máximo o que possuem em estoque.

Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário