Conab realizou Pepro de algodão e venda de arroz

Publicado em 26/09/2014 08:51 388 exibições
O resultado do leilão de algodão alcançou 99,4% da oferta

O primeiro leilão de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) para algodão do ano, realizado nesta quinta-feira (25) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) negociou 498 mil toneladas ou 99,4%  das 501 mil toneladas oferecidas. Só não foram negociadas as 3 mil t de São Paulo. O prêmio a ser pago aos arrematantes da operação poderá chegar a R$ 122,74 milhões. Este incentivo refere-se ao compromisso da venda e escoamento de algodão das safras 2013/2014.

A quantidade de algodão, por estado, ficou dividida em 9 lotes: Bahia (140 mil t), Minas Gerais (8 mil t), Goiás (24 mil t), Mato Grosso do Sul (18 mil t), Mato Grosso (291 mil t), Maranhão (9 mil t), Piauí (6 mil t), Tocantins (2 mil t) e SP (3 mil t - que não foram arrematadas).  O produto, em pluma, deverá ser vendido e escoado para qualquer localidade diferente da unidade de federação de plantio. Quando a operação for realizada no mesmo estado de plantio, também deverá ser comprovada a sua venda e transformação em fio ou tecido por uma indústria de fiação.

Arroz - Foram realizados também dois leilões de venda de arroz dos estoques públicos. O primeiro comercializou 9,4 mil toneladas, quantidade que corresponde a 90% do total de 10,3 mil t ofertadas. O segundo resultou na venda de 15,5 mil toneladas ou 78,8% do volume de 19,7 mil t oferecidos.

Tags:
Fonte:
Conab

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário