Algodão: Mercados Nacional e Internacional apresentam momentos contrários em suas cotações

Publicado em 23/05/2011 16:37 433 exibições

MERCADOS DIVERGENTES: Os momentos que antecedem a colheita da safra brasileira e as incertezas do plantio da safra americana vêm causando impactos diretos nas cotações. No Brasil, a proximidade da colheita da safra 2010/11 está pressionando as cotações da fibra. O mês de maio registrou até agora uma queda de 24,3%, valor igual ao registrado no mês de abril, que até então era a maior já observada pelo CEPEA/ESALQ. O volume dos negócios diminuiu devido à espera dos compradores por preços ainda menores e também pelos estoques suficientes para produção. No
caso do plantio norte-americano, o Texas, principal estado produtor da fibra, está enfrentando adversidades climáticas durante o plantio de sua safra. De acordo com o Usda, a seca no oeste do estado e as enchentes no sul diminuíram a expectativa da área de produção. Esta diminuição fez com que as cotações internacionais recuassem durante a semana.

Clique aqui e confira a análise na íntegra.

Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário