Oferta de vacas aumenta e diferencial entre machos e fêmeas deve ser maior neste primeiro semestre

Publicado em 13/02/2012 10:29 611 exibições
O mercado do boi gordo prossegue com o movimento de baixa, iniciado em janeiro de 2012. A maior desova de vacas têm completado as escalas dos frigoríficos, o que acaba gerando pressão sobre os preços dos animais terminados, principalmente das fêmeas.

Desta forma, no primeiro semestre a diferença de preços entre machos e fêmeas tende a ser maior, devido à maior disponibilidade relativa de fêmeas, na comparação com o segundo semestre.
 
Com o rebanho em crescimento nos últimos anos, o efetivo de vacas em reprodução também aumentou.

Com informações da Scot Consultoria.

Tags:
Por:
Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário