Um mês após embargo por vaca louca, MT recebe missão do Peru

Publicado em 03/06/2014 14:54 420 exibições

Técnicos do Serviço Nacional de Sanidade Agrária (Senasa), ligado ao Ministério da Agricultura e Irrigação do Peru, iniciaram nesta terça-feira (03) agenda oficial em Mato Grosso. A visita ocorre quase um mês após o país anunciar embargo à carne bovina brasileira, em função de um caso atípico de vaca louca.
Representantes discutem com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa-MT) e o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea-MT), o atendimento às medidas sanitárias contra a Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB) e os controles do estado. A ocorrência da doença em um animal criado em Porto Esperidião fez o Peru embargar por 180 dias o comércio da carne entre os países.

Leia a notícia na íntegra no site G1 - Agrodebate

Tags:
Fonte:
G1 - Agrodebate

0 comentário