No Pará, melhora dos pastos motiva pecuarista a manter animais na fazenda

Publicado em 08/07/2014 10:58 392 exibições

Considerando todas as categorias de machos, os animais de reposição no Pará estão com os preços 13,4% maiores na comparação com o mesmo período do ano passado.

O destaque foi o boi magro ([email protected]), com alta de 12,0% no período, escasso no estado. O animal é vendido atualmente a R$1.240,00.

A categoria que subiu menos foi o bezerro desmamado (6,[email protected]), com alta de 10,0% no período e preço vigente de R$690,00.

A regularidade das chuvas nas últimas semanas e consequente melhora dos pastos tem motivado o pecuarista a reter os animais na fazenda, diminuindo a oferta.

Para as próximas semanas a expectativa é que a procura permaneça, proporcionando firmeza ao mercado.

A arroba do boi gordo subiu mais no período, 26,1%, em média, o que melhorou o poder de compra do pecuarista nos últimos doze meses.

Atualmente, é possível comprar 2,7 bezerros desmamados com a venda de um boi gordo (16,[email protected]), frente a 2,35 em julho do ano passado.

Tags:
Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário