Cai o número de bois confinados para engorda em Mato Grosso

Publicado em 06/06/2016 07:48
250 exibições

Um número menor de bois está sendo confinado este ano em Mato Grosso. Os criadores sentem os o impacto da alta nos custos da ração.

Em todo o estado devem ser confinadas 755 mil cabeças, 4% a menos do que a quantidade estimada pela associação de criadores do estado no final de 2015. O motivo para tanta cautela na hora de definir os confinamentos está no cocho. A maior dor de cabeça para o pecuarista neste momento tem sido o milho, principal ingrediente da ração oferecida aos animais.

Em um ano, o preço do cereal aumentou quase 130%. Em uma fazenda em Cáceres, oeste do estado, os animais estão no pasto. Eles deveriam ter ido para o sistema fechado no final de abril, mas a alimentação no cocho só deve começar na próxima semana. Com o semi-confinamento, o pecuarista Neto Gouveia diz que diminui os gastos enquanto espera uma queda no preço do milho: “Com custo no mínimo da metade do que é fechado. A gente tem essas opções ainda para fazer e as vezes termina o boi no semi-confinamento também, com a mesma qualidade de um boi confinado.

Leia a notícia na íntegra no site G1 - Globo Rural.

Fonte: G1 - Globo Rural

0 comentário