Mercado de reposição com preços estacionados

Publicado em 20/09/2016 08:58
137 exibições

A situação vigente é de preços frouxos, embora as quedas já sejam bem mais fracas do que as verificadas nos dois últimos meses.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, no acumulado de 2016, considerando a média de todos os estados e categorias pesquisadas, os preços caíram 4,7%.

No mesmo período, dentre as categorias de machos anelorados, a maior queda foi verificada para o bezerro, com recuo médio de 6,7%. Para o garrote e boi magro, as quedas foram de 4,9% e 3,5%, respectivamente.

Em curto prazo, é possível que tenhamos uma inversão deste comportamento, diante da recuperação gradual das pastagens em direção ao fim do ano, além da retomada dos preços do boi gordo, já iniciada, ainda que timidamente, no mercado físico.  

Contudo, não seria prudente esperar por fortes correções, especialmente para o bezerro, que deve continuar apresentando queda real frente a 2015.

Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário