Abrafrigo pede inclusão de trabalhadores em frigoríficos na vacinação imediata

Publicado em 29/01/2021 15:39 78 exibições

Em ofício enviado na quinta-feira (29) aos Ministros da Saúde, General Eduardo Pazuello, e a Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, a Associação Brasileira de Frigoríficos (ABRAFRIGO), está solicitando a inclusão dos trabalhadores em frigoríficos nos grupos prioritários para imediata vacinação.

A entidade argumenta que o setor de frigoríficos já demonstrou, em várias partes do mundo, incluindo o Brasil, que é um dos setores mais vulneráveis aos problemas criados pelo vírus Covid-19, tanto no que se refere a disseminação da doença como na paralisação de atividades essenciais.  “A maior vulnerabilidade da indústria de carnes, em face do trabalho intensivo, ambientes fechados e climatizados, exige a intercessão dos ministérios junto às secretariais estaduais de saúde para que procedam a imediata vacinação desta classe industrial”, informa a ABRAFRIGO.

Segundo a entidade, os trabalhadores industriais, principalmente os de setores essenciais como a produção de alimentos, já foram incluídos entre os grupos prioritários para vacinação no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra o Covid-19, em 25 de janeiro de 2021. A Lei 13.979, de fevereiro de 2010, que dispõe sobre medidas de enfrentamento do Covid-19 também pede a adoção imediata de medidas para preservar a saúde de trabalhadores em setores essenciais como os integrantes da cadeia de produção de alimentos.

 

Fonte:
ABRAFRIGO

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário