Rebanho de Rondônia cresce e está 100% protegido contra Febre Aftosa

Publicado em 10/12/2008 17:14 1158 exibições
“Apesar da crise financeira que está acontecendo em vários países, a pecuária de Rondônia vem crescendo firme e já é responsável por 40% do PIB do nosso estado. Foram incorporadas mais de 300 mil cabeças de gado às propriedades. Não é a toa que produzimos 480 mil toneladas de carne por ano e exportamos 70% desse montante”, aponta Pastore.

Também foi divulgado que 100% das criações bovinas estão protegidas contra a febre aftosa e que outras ações estão sendo feitas para proteger o gado rondoniense como a vacinação que acontece ao longo da fronteira com a Bolívia.

“A partir desta segunda, os técnicos da Idaron, em parceria com a Senasag (órgão que cuida da sanidade animal no país), iniciaram a vacinação dos animais bolivianos. Essa ação tem como objetivo proteger o rebanho de Rondônia contra o perigo da febre aftosa, já que a Bolívia não é considerada área livre da doença”, diz o presidente.

Agora, a 26ª. Etapa de Vacinação contra Febre Aftosa está prevista para o mês de abril de 2009. Até lá, os produtores do Estado terão a possibilidade de aumentar ainda mais as criações de gado e contar com o apoio técnico da Idaron. “Sem o apoio dos produtores, não alcançaríamos essa meta de vacinar 100% do rebanho local.

Agora, vamos trabalhar duro para conseguirmos o status de área livre de febre aftosa sem vacinação, como acontece no Rio Grande do Sul e Santa Catarina”, finalizou Pastore.


Fonte: O Nortão Jornal
Tags:
Fonte:
O Nortão Jornal

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário