Começa a vacinação de febre aftosa na fronteira entre Brasil e Bolívia

Publicado em 11/02/2011 08:41 387 exibições
Animais com menos de um ano de idade serão vacinados. A imunização é obrigatória para todos os bovinos e bubalinos.
Começou a vacinação contra febre aftosa na zona de fronteira entre o Brasil e a Bolívia. Nessa etapa da campanha serão imunizados animais com menos de um ano. O trabalho é acompanhado por técnicos do Indea, o Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso.

A primeira visita é em um lote de 40 hectares de Eleandro de Souza, que fica no assentamento de Coristinha, no município de Cáceres, região oeste de Mato Grosso. São 102 cabeças de gado, mas só 37 vão ser vacinadas agora, as que têm menos de 12 meses.

Os fiscais sanitários trazem o material, a pistola e agulhas profissionais e as vacinas. O produto é adquirido por meio de uma contribuição que os próprios pecuaristas fazem durante o ano ao Feza, o Fundo Emergencial de Saúde Animal. “Isso para nós é muito importante, essa parceria entre Indea e produtor. Como vivemos em área de risco, jamais queremos um foco de aftosa ou qualquer outra doença”, disse o criador.

A chácara de Eleandro fica a menos de três quilômetros da fronteira com a Bolívia e é uma das 584 propriedades onde o Indea vai fazer a vacinação nesta campanha de fevereiro em Mato Grosso. São três municípios que fazem parte da região considerada de maior risco para a febre aftosa: Cáceres, Porto Esperidião e Vila Bela da Santíssima Trindade. A vacinação é obrigatória para todos os bovinos e bubalinos que estão na chamada faixa de fronteira. Nesta área são quase 110 mil animais com menos de um ano de idade que vão ser vacinados pela primeira vez.

“O sistema imunológico deles ainda não está formado, então são necessárias várias doses para que eles tenham uma imunização prévia e adquiram anticorpos para responder a um possível contato com a doença” , explicou Geizon Runho, veterinário do Indea.

A campanha vai até o fim de fevereiro.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário