Boi: Mercado continua pressionado

Publicado em 26/05/2011 09:33 e atualizado em 26/05/2011 10:03 345 exibições
O mercado futuro abriu o dia ainda pressionado, mas aos poucos a  pressão compradora foi aumentando sistematicamente, e o mercado  operou em alta na maior pare do dia, com os vencimentos fechando em  suas respectivas máximas do dia. O volume de negócios diminuiu frente
aos outros dias, sendo negociados 4.257 contartos, sendo 1.026 no mai11  e 2.461 no out11, com 43,17% de day trade e liquidação de 404 posições.  No mercado físico a pressão por baixa de preços continua, mais pela falta  de demanda da carne do que pela oferta de animais, porém os preços  mais baixos têm encontrado resistência dos vendedores. Apenas a minima  a vista teve alteração relevante e subiu R$ 1,12 a R$ 98,05 (R$ 95,79 L),  os demais parâmetros ficaram estáveis. Com uma grande volatilidade que  já está ficando característica em períodos de formação da média, o  Indicador a vista subiu R$ 0,95 a R$ 98,89 e o a prazo subiu R$ 0,41 a R$  100,28, com prazo de pagamento de 35 dias. No atacado o traseiro subiu  0,52% a R$ 7,20/kg, o dianteiro subiu 0,41% a R$ 4,94/kg e a P.A. recuou  1,04% a R$ 4,75, com o boi equivalente subindo 0,31% a R$ 89,97.

Clique nos links abaixo e confira as análises na íntegra:

Informativo do Boi

Atacado

Preços do Boi

Tags:
Fonte:
CSHG

0 comentário