Embargo da carne bovina pela Rússia faz as exportações registrarem queda de 44% em julho

Publicado em 22/08/2011 16:05 506 exibições
“A COISA TÁ RUSSA”: Devido ao embargo da carne bovina dos frigoríficos mato-grossenses pela Rússia as exportações em julho registraram uma queda de 44% em relação ao mês anterior. Os embarques passaram de 18,7 mil toneladas, em equivalente carcaça, para 10,5 mil toneladas. Esse é o menor volume exportado desde o mês de janeiro de 2009, quando o mercado internacional atravessava a turbulência causada pela crise financeira iniciada no final de 2008. A grande queda se deu pelo fato de o mercado russo ser o principal destino da carne mato-grossense no exterior, respondendo por 25,4% do total exportado no primeiro semestre de 2011. Com isso, tomam espaço no momento considerações sobre a necessidade de uma maior diversificação da pauta de clientes da carne bovina brasileira no exterior. Porém, a necessidade da reabertura do mercado russo deve ser entendida como prioridade, devido à sua importância estratégica no mercado internacional, como sendo o segundo maior importador mundial de carne bovina.

Clique aqui e confira a análise na íntegra.

Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário