Cafeicultores temem falta de defensivo para combater broca do café

Publicado em 21/08/2014 13:44 e atualizado em 21/08/2014 14:18 432 exibições

A broca do café, uma das principais pragas do cafeeiro no Brasil, continua causando preocupação nos produtores após medida da Anvisa que proibiu o uso do defensivo agrícola endossulfan.

No início do ano, o Notícias Agrícolas noticiou que a infestação da broca do café aumentou após a proibição.

Em julho, o Ministério da Agricultura, voltou atrás e autorizou o manejo e a importação de agrotóxicos para a broca do café que tenham como ingrediente ativo a molécula Ciantraniliprole, apenas no Estado de Minas Gerais.

A medida de manejo e importação do novo agrotóxico tem caráter emergencial e temporário, após o estado de Minas declarar emergência fitossanitária devido ao risco iminente de surto pela infestação da praga nas plantações. O inseticida à base ciantraniliprole, deve ser registrado no Brasil até o fim do ano.

Agora, os produtores temem que a indústria não tenha produtos à base de Ciantraniliprole à disposição em janeiro, período recomendado para aplicação para combater a praga, que ataca nos meses de janeiro e fevereiro. Se o fato se concretizar, a safra 2015/16 terá perdas.

Segundo o CNC não há resultados específicos que comprovem a eficácia do inseticida à base de Ciantraniliprole. Além disso, não haverá produto concorrente no mercado.

Para o presidente do CNC, Silas Brasileiro, a recomendação para os produtores é que tenham nesta colheita o máximo de cuidado para deixar um volume mínimo de grãos no chão, já que são eles que atraem o besouro que ataca as lavouras.

 

Broca do cafeeiro

A praga é um besouro cuja fêmea coloca ovos que se transformam em larvas e consomem a semente do café, provocando perda de peso e de qualidade para os frutos, o que deprecia o produto no mercado.

 

Com informações do Valor Econômico.

Tags:
Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário