CNC: José Márcio Rocha assume a presidência da Coopercam

Publicado em 18/01/2019 13:58
52 exibições
Ele sucede a Tarcísio Rabelo, que deixou um legado de excelentes serviços prestados à cafeicultura

No dia 26 de dezembro de 2018, o então presidente da Cooperativa dos Cafeicultores de Campos Gerais e Campo do Meio (Coopercam) – entidade ligada à Cooperativa Central de Cafeicultores e Agropecuaristas de Minas Gerais (Coccamig), que compõe o Conselho Diretor do CNC –, Tarcísio Rabelo, comunicou ao Conselho de Administração que se afastaria do cargo para se dedicar a projetos pessoais e ficar mais próximo da família.

Em reunião extraordinária do Conselho de Administração realizada em 4 de janeiro, foi eleito o conselheiro José Márcio Rocha para a sucessão presidencial. Natural de Campo do Meio (MG), Rocha é Técnico Químico Industrial pela Escola Técnica Industrial de Química de Varginha (CETEM) e iniciou sua experiência profissional em empresas de papel e celulose, sendo, também, empresário no ramo de panificação e lanchonetes.

Retornou à cidade natal em 1981, quando deu início à produção de cana de açúcar. Logo após, começou a produzir café, milho e feijão, atividades que mantém até hoje. É associado desde 1993 e foi eleito conselheiro administrativo da Coopercam para a gestão 2016/2019, também constando em seu currículo a composição dos Conselhos de Administração da Capebe e da Credcam.

O presidente do Conselho Nacional do Café, Silas Brasileiro, agradece a intensa parceria que o ex-presidente da Coopercam sempre demonstrou junto ao CNC, o legado que deixa à cafeicultura e deseja sucesso em seus projetos pessoais.

“Tarcísio Rabelo é dotado de muita capacidade, desprendimento, inteligência, experiência, dedicação e foi um parceiro ímpar em nossa caminhada. Fomos representados, em reunião na terça-feira (15), no polo da UAB, em Campos Gerais, com a presença de cooperados e colaboradores da Coopercam, pelo coordenador do CNC, Maurício Miarelli, que externou todo nosso agradecimento aos notáveis préstimos do amigo Tarcísio, cuja trajetória é digna de todas as homenagens recebidas”, enaltece.

Ao tempo em que lamenta a despedida do ex-presidente, Silas Brasileiro concede boas-vindas a José Márcio Rocha, colocando o Conselho à disposição para contribuir no que for necessário.

“Lastimamos despedidas, mas a chegada de um substituto com disposição de contribuir, servir e participar é muito importante para a representação maior da produção cafeeira do Brasil, que é o CNC. E o CNC é sustentado e alcança seus objetivos através da força e do direcionamento apresentado por seus membros, que são as cooperativas. Assim, desejamos uma excelente administração ao novo presidente José Márcio e estamos abertos a suas contribuições desde já”, conclui.

Tags:
Fonte CNC

Nenhum comentário