Café arábica avança na Bolsa de Nova York nesta 6ª com dólar e dados sobre déficit na oferta

Publicado em 29/03/2019 13:00
163 exibições

LOGO nalogo

As cotações futuras do café arábica operam com alta de mais de 90 pontos nesta tarde de sexta-feira (29) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado estende ganhos ainda acompanhando as oscilações do câmbio e novos dados da oferta.

Por volta das 12h48 (horário de Brasília), o vencimento maio/19 subia 95 pontos, a 94,95 cents/lb. Já os lotes com vencimento para julho/19 avançavam 90 pontos, a 97,50 cents/lb e o setembro/19 tinha valorização de 70 pontos, a 100,05 cents/lb.

Depois de quedas consecutivas, o mercado externo do arábica retomou a trajetória altista na véspera, com leves ganhos. As oscilações do dólar ante o real e novos dados sobre a oferta global de café deram suporte aos preços externos.

Às 12h57, o dólar comercial caía 0,69%, cotado a R$ 3,890 na venda, com alívio na véspera ante a percepção de trégua com governo e Congresso e reforma da Previdência. A moeda estrangeira mais baixa tende a desencorajar as exportações.

Além do câmbio, o mercado na ICE também negocia com a divulgação do Rabobank de que a safra global de café 2019/20 pode ter um déficit de 2,3 milhões de sacas de 60 kg. A previsão anterior apontava um déficit de 1,2 milhão de sacas.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 395,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG), em Espírito Santo do Pinhal (SP) registravam R$ 390,00 e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 386,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário