Cafezinho é a segunda bebida mais consumida pelos brasileiros com média de até 4 xícaras por dia

Publicado em 24/05/2019 16:51 e atualizado em 24/05/2019 19:24
466 exibições

LOGO nalogo

Uma pesquisa com mais de 3 mil pessoas confirmou que o Brasil não é somente o maior produtor de café do mundo, mas também um apaixonado pela bebida. Ela é a segunda mais consumida pelo brasileiro, ficando atrás da água. O número de xícaras também impressiona, entre 3 a 4 por dia.

O estudo foi encomendado pela JACOBS DOUWE EGBERTS (JDE), empresa de café, em parceria com a AOCUBO Pesquisa. Cerca de 79% dos consumidores apontaram que o torrado e moído é o preferido, mas outros seguimentos também apareceram na lista. As principais motivações são funcional e social.

"Parte dessa percepção pode ser creditada à forte influência de Pilão, o café forte do Brasil, que há mais quatro décadas ajuda os brasileiros a enfrentarem os desafios do dia a dia, e que é líder de vendas nas principais cidades do país, como São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo", disse Tina Cação, Diretora de Marketing da JDE.

A categoria de cápsulas também aparece na pesquisa, mas bastante associada a momentos de relaxamento. A pesquisa mostra que a penetração da bebida café no Brasil é enorme, o que mostra que o país não só produz bem a bebida, mas também aprecia. 98% dos lares no país consomem café.

Com base nos resultados da pesquisa, a empresa de café divide o consumo da categoria em dois momentos: o início da relação com o café, entre 18 e 35 anos, onde o consumo é mais moderado, até o consumo mais intenso, a partir dos 40 anos.

O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo. Para a safra 2019/20, a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) estima que o país deva colher e 50,92 milhões de sacas de café beneficiado em 2019, somando-se as espécies arábica e conilon.

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário