Café: Londres e NY operam com baixas técnicas para os principais contratos

Publicado em 12/05/2021 11:50

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica opera com quedas técnicas para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). O mercado recua após registrar valorização impulsionada pelas condições das lavouras brasileiras na última sessão. 

Por volta das 11h44 (horário de Brasília), julho/21 tinha queda de 85 pontos, negociado por 149,05 cents/lbp, setembro/21 tinha baixa de 100 pontos, negociado por 151 cents/lbp, dezembro/21 tinha baixa de 100 pontos, valendo 153,40 cents/lbp e março/22 tinha baixa de 105 pontos, negociado por 155,45 cents/lbp. 

Em Londres, o café conilon também opera com baixas. Julho/21 tinha queda de US$ 8 por tonelada, valendo US$ 1524, setembro/21 tinha queda de US$ 9 por tonelada, negociado por US$ 1547, novembro/21 tinha queda de US$ 4 por tonelada, valendo US$ 1568 e janeiro/22 tinha desvalorização de US$ 7 por tonelada, valendo US$ 1578.

Mercado Interno - Última sessão 

No Brasil, o mercado físico acompanhou e também encerrou com valorização. 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve alta de 1,84% em Guaxupé/MG, negociado por R$ 832,00, Poços de Caldas/MG teve alta de 0,63%, negociado por R$ 800,00, Patrocínio/MG teve alta de 0,61%, valendo R$ 825,00, Araguarí/MG teve alta de 2,41%, valendo R$ 850,00, Varginha/MG teve alta de 2,45%, valendo R$ 837,00 e Franca/SP teve valorização de 1,20%, valendo R$ 840,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 1,74% em Guaxupé/MG, negociado por R$ 875,00, Poços de Caldas/MG teve valorização de 0,60%, negociado por R$ 845,00, Patrocínio/MG teve alta de 0,59%, valendo R$ 855,00, Varginha/MG teve alta de 1,16%, negociado por R$ 870,00 e Campos Gerais/MG teve valorização de 1,13%, valendo R$ 892,00.

>>> Veja mais cotações aqui

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário