Café: Arábica abre semana baixas técnicas e conilon opera com leves altas em Londres

Publicado em 07/06/2021 09:04 933 exibições

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica abriu as cotações desta segunda-feira (7) com desvalorização técnica para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). O mercado volta a operar com ajustes técnicos após encerrar a última semana com valorização motivada pela redução na oferta global de café e estimativa de consumo aquecido com o avanço da vacinação contra a covid-19.

Por volta das 09h02 (horário de Brasília), julho/21 tinha queda de 130 pontos, negociado por 160,35 cents/lbp, setembro/21 tinha baixa de 135 pontos, negociado por 162,30 cents/lbp, dezembro/21 tinha queda de 135 pontos, valendo 165 cents/lbp e março/22 tinha baixa de 135 pontos, valendo 167,45 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon abriu com leves altas. Julho/21 tinha alta US$ 1 por tonelada, valendo US$ 1613, setembro/21 registrava valorização de US$ 2 por tonelada, negociado por US$ 1640, novembro/21 tinha alta de US$ 3 por tonelada, valendo US$ 1660 e janeiro/22 tinha alta de US$ 3 por tonelada, negociado por US$ 1674.

A OIC aumentou sua previsão de consumo global de café em 2020/21 para 167,564 milhões de sacas, ante uma previsão anterior de 166,346 milhões de sacas, e cortou sua estimativa de superávit global de café em 202021 para 2,019 milhões de sacas, de uma estimativa anterior de 3,286 milhões de sacas.

Leia Mais:

+ OIC atualiza previsão de consumo global, reduz estimativa de superávit e café encerra com valorização

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário