Café: Nova York estende altas para o arábica com condições no Brasil ainda dando suporte

Publicado em 23/09/2021 08:50 1098 exibições

Logotipo Notícias Agrícolas

O mercado futuro do café arábica abriu o pregão desta quinta-feira (23) com valorização para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). Na véspera, o mercado teve suporte na redução de safra divulgada pela Conab no início da semana. 

Por volta das 08h43 (horário de Brasília), dezembro/21 tinha alta de 140 pontos, valendo 186,25 cents/lbp, março/22 tinha alta de 155 pontos, cotado a 189,20 cents/lbp, maio/22 registrava valorização de 150 pontos, valendo 190,35 cents/lbp e julho/22 tinha alta de 145 pontos, valendo 191,05 cents/lbp. 

O setor cafeeiro segue acompanhando as condições climáticas no Brasil, e aguardando a retomada das chuvas. As atualizações mais recentes dos modelos meteorológicos sinalizam o retorno das chuvas na próxima semana em todas as áreas de produção de café do Brasil. Além da seca prolongada, as chuvas serão importantes para entender o impacto das geadas na safra de 22.

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon abriu o pregão com desvalorização. Novembro/21 tinha queda de US$ 16 por tonelada, valendo US$ 2126, janeiro/22 tinha baixa de US$ 5 por tonelada, cotado por US$ 2105, março/22 tinha alta de US$ 6 por tonelada, valendo US$ 2055 e maio/22 tinha alta de US$ 15 por tonelada, valendo US$ 2032.
 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário