Café abre com poucas variações após queda expressiva: Mercado atento à nova variante e consumo

Publicado em 30/11/2021 08:56 1147 exibições
Ainda assim, analista afirma que fundamento segue sólido para variação diante de quebra no BR

Logotipo Notícias Agrícolas

O mercado futuro do café arábica abriu o pregão desta terça-feira (30) com variações técnicas para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). Os contratos recuaram forte na última sessão com o mercado financeiro pressionado pela nova variante da Covid-19, e o recuo mais acentuado foi no café, que subiu forte nas últimas três semanas.

"Em nossa opinião, é preciso aguardar mais informações, mas os fundamentos do mercado permanecem sólidos. Mesmo que a população venha a sair menos, o frio deverá manter o consumo e a queda na produção mundial de café é séria", destaca a última análise do Escritório Carvalhaes. 

Por volta das 08h49 (horário de Brasília), março/22 tinha alta de 30 pontos, valendo 233,30 cents/lbp, maio/22 tinha alta de 20 pontos, negociado por 232,50 cents/lbp, julho/22 tinha alta de 15 pontos, valendo 231,75 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres, o conilon operava com estabilidade nesta manhã. Março/22 tinha alta de US$ 4 por tonelada, valendo US$ 2201, maio/22 tinha alta de US$ 7 por tonelada, cotado a US$ 2177, julho/22 tinha alta de US$ 6 por tonelada, valendo US$ 2175 e setembro/21 tinha valorização de US$ 1, negociado por US$ 2169. 

>>> Café tem dia de grande aversão ao risco com nova variante e recua mais de 4% em Nova York

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário