Conab aponta redução de 3% na safra de café em Mato Grosso

Publicado em 11/05/2010 09:14 518 exibições
Menos de 1% de toda produção de café no Brasil sai de Mato Grosso. Os números desta unidade
federativa mostram que no Estado (onde o destaque é a soja, milho e algodão, por exemplo) é produzido 0,3% de tudo aquilo que se planta no país. Minas Gerais, com 50,9% de participação, detém o título de principal produtora de café nesta safra 2010. Espírito Santo (23,4%) e São Paulo (9,3%) aparecem em seguida.

A área destinada ao complexo cafeeiro sofreu recuo neste ciclo no território matogrossense. Ao todo, destinaram-se à cultura equivalente a 13,8 mil hectares, enquanto em 2009 haviam sido 15,2 mil ha. Em 2010, o número de covas deve chegar a 33,4 mil, responsável pela produção de 136 mil sacas beneficiadas.

De café conilon deve-se produzir 125 mil sacas enquanto de arábica outras 10,9 mil. As projeções são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), e constam no segundo levantamento da safra cafeeira no Brasil. A estatal indica produtividade média de 9,85 sacas por hectare.
Em 2009, os números consolidados da produção mato-grossense fecharam em 141 mil sacas, com produtividade de 9,23 por hectare. A queda na produção estadual de café, entre os dois ciclos, deve ser de 3,5%.

No Brasil, a previsão atual para a produção nacional de café beneficiado indica 47,04 milhões de sacas de 60 quilos de café beneficiado. O resultado representa um acréscimo de 19,2%, ou de 7,57 milhões de sacas, quando comparado com a produção de 39,47 milhões de sacas obtidas na safra 2009. Tal crescimento é justificado pelo ano de bienalidade positiva, aliado às condições climáticas favoráveis até o mês de dezembro/2009.

O maior acréscimo se dará na produção de café arábica, estimada em 35,31 milhões de sacas, o que representa um ganho sobre a safra anterior de 22,3%, (6.440,9 mil sacas). Para a produção do robusta (conilon) a previsão aponta produção de 11,73 milhões de sacas, ou seja, crescimento de10, 7% (1.130 mil sacas).

Tags:
Fonte:
Só Notícias

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário