Rússia responde por mais de 60% das exportações de carne bovina de MS

Publicado em 21/08/2014 12:37 653 exibições

As exportações de carne bovina in natura de Mato Grosso do Sul totalizaram 14,9 mil toneladas no mês de julho, volume 19% superior às vendas registradas em julho do ano passado, quando o Estado destinou ao exterior 12,5 mil toneladas do produto. Do total negociado este ano, 60,4% foi vendido para a Rússia, país que sinalizou a ampliação de mercado para a carne brasileira, recentemente. Os dados constam no último Informativo Casa Rural, elaborado pelo Departamento de Economia do Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS.
 
Segundo o Informativo Casa Rural, a Rússia importou quase 9 mil toneladas de carne bovina sul-mato-grossense no período analisado. Para o diretor secretário do Sistema Famasul, Ruy Fachini, as vendas para o mercado russo demonstram o fortalecimento da pecuária local. "A Rússia sempre foi um importante mercado da carne bovina de Mato Grosso do Sul, mas os últimos resultados são ainda mais animadores, considerando que representam o dobro do que foi vendido no mesmo período do ano passado", enfatiza Fachini, lembrando que as compras da Rússia foram de 4,1 mil toneladas em julho de 2013.
 
Para a gestora do Departamento de Economia do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, o atual panorama da pecuária de corte é de desequilíbrio entre a oferta e demanda, o que deve fazer com que os preços da arroba do boi gordo subam nos  próximos meses. "Entre junho e julho, os abates de bovinos no Estado caíram quase 7%, a segunda maior queda no ano. A redução foi ocasionada pela menor quantidade de animais de pasto e de confinamento em algumas regiões do Estado", destacou.
 
O  relatório da Famasul mostra também que em julho o preço do boi gordo teve média de R$ 116,76/@, com leve queda de 0,67% frente junho. Veja o relatório na íntegra: http://famasul.com.br/public/area-produtor/4691-informativo-pecuaria-agosto-2014.pdf

Tags:
Fonte:
Famasul

0 comentário