Carne bovina no varejo: menor margem desde dezembro de 2017

Publicado em 22/11/2018 09:33
39 exibições

Após duas semanas de quedas no varejo, os preços da carne bovina em São Paulo se sustentaram (alta de 0,03%). Já no Paraná a alta foi de 0,2%, cenário diferente do Rio Janeiro, onde, em média, os preços dos cortes caíram 0,4%. Estabilidade também em Minas Gerais (ajuste negativo de 0,01%).

Mesmo reabastecendo seus produtos a preços maiores, o varejo não repassou estas altas para os consumidores.

Desta forma, comprando estoque “mais caro” do atacado e vendendo os produtos “mais baratos”, a margem do varejo se achatou e está em 54,0%. É a menor margem dos últimos 11 meses. Sendo que, em média, durante este ano os varejistas trabalharam com margens ao redor de 61,7%.

Tags:
Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário