Em abril, receita cambial das carnes teve aumento anual de 20%

Publicado em 03/05/2011 09:25 264 exibições
Dados da SECEX/MDIC mostrando os resultados da exportação de carnes apontam que a receita cambial do setor em abril superou novamente a casa do bilhão de dólares (ficou em US$1,046 bi), aumentando praticamente 20% em relação ao mesmo mês do ano passado.

Em relação ao mês anterior, março de 2011, a receita cambial retrocedeu 4,89%. Mas isso apenas em valores nominais, pois considerando-se o mês mais curto (19 dias úteis, contra 21 dias úteis de março), em valores reais a receita cambial do último mês foi pelo menos 5% superior.

Na mesma linha de raciocínio, até a redução no volume exportado – de 6,66% em relação ao mês anterior e de 0,39% sobre abril de 2010 – pode ser considerada natural, pois abril de 2011 teve um dia útil a menos que o mesmo mês do ano anterior. Supõe-se, assim, que teve menos embarques, situação agravada pelo feriadão da Semana Santa.

Só não foram registrados resultados negativos nos preços médios, ainda em franca evolução. Aqui, a menor variação anual é da carne suína, com incremento de 9,83%. E a maior é da carne bovina, com aumento de 32,61%. A carne de frango alcança variação anual de 22,85%.

A carne de frango é, naturalmente, a que tem o menor preço médio (65% do preço médio da carne suína; 39% do da carne bovina). Ainda assim, é a que, liderando em termos de volume (72,3% do total) proporciona maior receita cambial (54,8% do total).

Tags:
Fonte:
AviSite

0 comentário