Áreas de produção agrícola podem ser atingidas por granizo nesta 5ª no Rio Grande do Sul

Publicado em 16/01/2020 10:11 e atualizado em 16/01/2020 10:57
1794 exibições

LOGO nalogo

A previsão indica que as chuvas serão mais expressivas no Rio Grande do Sul nas próximas 24 horas. Segundo o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os volumes tendem a ser mais expressivos na região central do estado, com precipitações entre 60 e 70 milímetros. 

As chuvas acontecem devido a passagem de uma frente fria vinda do Uruguai. Segundo o Inmet, há risco de queda de granizo para as regiões centro e sul do estado, além de volumes expressivos para Santa Catarina e Paraná. 

"Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h), e queda de granizo. Risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos", afirma o Inmet. 

Produtores rurais do Rio Grande do Sul estão enfrentando problemas devido as condições do tempo em todo o estado e já há estimativas expressivas para a perda da soja e do milho devido ao período de estiagem. A situação é delicada em todo o RS e para que a quebra de produtividade não aumente, a partir de agora é preciso que as chuvas aconteçam com uma melhor distribuição e com mais regularidade. 

Produtores têm a necessidade de bons volumes de chuvas, mas as previsões indicam que o final de semana será tempo estável em todo o Rio Grande do Sul. É necessário que chova entre 500 e 600 mm até o período na colheita, para que a soja que foi plantada mais tarde consiga se recuperar e se desenvolver sem maiores problemas. 

Veja ao mapa de alertas emitido pelo Inmet: 

Alertas - Inmet
Fonte: Inmet 

Outras Regiões

As previsões também indicam condições de chuvas para as demais regiões do país, com destaque para áreas do Sudeste e Centro-Oeste. 

No Sudeste, devido o avanço da frente fria, as chuvas devem ser mais volumosas em São Paulo, sendo os maiores volumes previstos para o sul do estado - entre 40 e 50 milímetros. Nas demais regiões também há previsão de chuva, porém em volumes mais baixos. "A situação é de alerta, pois a chuva pode vir forte, com raios e rajadas de vento. Há condições para alagamentos e muitos outros transtornos", destaca a Climatempo. 

Ainda no Sudeste, os modelos indicam chuva para o sul de Minas Gerais, com acumulados previstos entre 30 e 40 milímetros. Nas demais áreas do estado chove com volumes baixos, com execeção da região norte onde não há previsão de chuvas para as próximas 24 horas. 

Veja o mapa de precipitação prevista para as próximas 93 horas em todo Brasil: 

93 horas - Inmet
Fonte: Inmet 

Temperaturas elevadas no Centro-Oeste

As temperaturas continuarão elevadas no Centro-Oeste. De acordo com o Inmet, a primeira quinzena de janeiro teve recorde de calor em Goiânia e em Campo Grande. 

"Esta temperatura é bastante elevada para os mês de janeiro, onde a temperatura normalmente não tanto assim por causa do excesso de nebulosidade e da chuva frequente", destaca a Climatempo. 

Para as próximas 24 horas, os mapas indicam chuvas com maiores precipitações apenas para o norte do Mato Grosso - entre 20 e 30 mm. Nas demais regiões do estado também deve chover, mas em volumes mais baixos, assim como nos demais estados que compõem o Centro-Oeste. 

Os modelos indicam ainda que no dia 18 os volumes passam a ser mais expressivos no leste do Mato Grosso e oeste de Goiás.Neste período, os volumes tendem a ficar entre 50 e 70 milímetros. 

Veja o mapa de previsão de temperatura para as próximas 24 horas em todo o Brasil: 

Temperatura - Inmet
Fonte: Inmet 
 

 

Fazenda Bedin em Renascensa (PR). Envio do Técnico Jonatan Tayllel Soares
Fazenda Bedin em Renascensa (PR). Envio do Técnico Jonatan Tayllel Soares

Centro de Treinamento Bayer Cultura do Milho em Sarandi (RS). Envio do Engenheiro Agrônomo AGD Gilmar Mueller Medeiros
Centro de Treinamento Bayer Cultura do Milho em Sarandi (RS). Envio do Engenheiro Agrônomo AGD Gilmar Mueller Medeiros​

Foto em Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro
Foto em Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro​

Soja em Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro
Soja em Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro​

 

Plantada no Município Ribeirão do Sul (SP). Envio de Dione Felix
Plantada no Município Ribeirão do Sul (SP). Envio de Dione Felix


Clique e envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do 
WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolasou use a hashtag #imangensdodia

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário