Barragem se rompe na Bahia após chuvas torrenciais e força evacuações

Publicado em 26/12/2021 12:06 1292 exibições
Reuters

SÃO PAULO (Reuters) - Uma barragem se rompeu na Bahia, após dias de fortes chuvas, elevando o nível de rios da região já cheios e com risco de inundações, disseram autoridades locais na noite de sábado.

A barragem do Iguá fica próxima à cidade de Vitória da Conquista, no sul da Bahia, levando autoridades a evacuar moradores em risco rio abaixo, principalmente na cidade de Itambé.

    Não houve relatos de mortes, feridos ou danos graves, embora os detalhes do incidente tenham permanecido limitados.

    "Barragem com alto volume de água se rompeu e uma forte enxurrada deve afetar o município de Itambé", informou a prefeitura da cidade em sua conta oficial no Instagram.

    "Todos os moradores devem evacuar as margens do rio Verruga com urgência", acrescentou.

    Itambé é uma região agrícola no sul da Bahia localizada a cerca de 200 quilômetros do interior da cidade costeira de Ilhéus.

    Procurada, a prefeitura de Itambé não respondeu de imediato na manhã deste domingo a um pedido de mais informações.

A prefeita de Vitória da Consquista, Sheila Lemos, disse que todos os moradores próximos ao rio foram evacuados.

Em uma publicação no site da prefeitura de Vitória, Lemos afirmou que a enchente ameaçou cortar a rodovia BR-116, uma importante rota de caminhões entre o Nordeste e o Sul do Brasil.

"Tiramos todas as pessoas que estavam próximas desse córrego, então todas as medidas foram tomadas e estamos prontos para dar toda a assistência aos moradores. Agora é torcer realmente para que não quebre a estrada e não precise interditar a 116", ressaltou.

O governador da Bahia, Rui Castro, disse que pelo menos 300 pessoas foram evacuadas de cada uma das cerca de 20 cidades do estado que foram atingidas por enchentes causadas por fortes chuvas por quase dois meses.

"São milhares de pessoas que tiveram de sair de suas casas, porque a água subiu um metro, dois metros, em alguns lugares, até três metros", disse ele a jornalistas no sábado.

As chuvas já causaram 17 mortes na Bahia desde o início de novembro, e 66 cidades enfrentam situações de emergência, informaram autoridades da defesa civil.

Em Salvador, metereologistas disseram que as chuvas em dezembro foram seis vezes maiores do que a média.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário