Por que os preços dos Feijões podem continuar subindo?

Publicado em 21/09/2020 07:14 357 exibições

O mercado de Feijão continua com preços ganhando, a cada dia, pequenas, mas consistentes valorizações e, tanto nos casos do Feijão-carioca e do Feijão-rajado como do Feijão-preto, os R$ 300 são realidade. O Feijão-vermelho tem se mantido ao redor de R$ 350 para o tamanho grande, tipo americano Dark Red, e os mais miúdos do interior. A imprensa, em geral, tem dado amplo espaço ao fato de que estamos vivendo uma inflação forte nos preços dos alimentos. Para nós do agro é necessário que façamos alguns cálculos, além das análises agronômicas, para tomar decisões de plantar ou não, ou quão interessante é o valor atual em relação ao preço histórico. É, se considerarmos preços em reais, é verdade, estão altos. No entanto, no histórico recente, quantos sacos de soja e de milho são equivalentes a 1 saco de Feijão? Será que mudou ao longo do tempo? A partir de hoje, semanalmente publicaremos um gráfico com os equivalentes em dólar e também a equivalência pelo valor presente comparado com soja e milho, tomando como base preços FOB Paraná para soja e milho e Feijão, média do PNF - Preço Nacional do Feijão.

Fonte:
IBRAFE

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário