RS: Penas duras não desencorajaram fraudadores do leite

Publicado em 14/03/2014 14:54 424 exibições

Em dezembro de 2013, o juiz da comarca de Ibirubá, Ralph Moraes Langanke, condenou seis acusados a penas que chegaram a 18 anos e seis meses de cadeia, além de multas diárias. Como foi uma sentença de primeira instância, os réus estão recorrendo ao Tribunal de Justiça do Estado. Na época da decisão, o promotor Mauro Rockenbach havia saudado a dureza da punição e manifestado expectativa de que servisse de lição a potenciais fraudadores.

Leia a íntegra no Zero Hora

Tags:
Fonte:
Zero Hora

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário