Ovos: Com maior demanda e oferta reduzida, preços sobem até 15%

Publicado em 15/12/2014 08:58 24 exibições

 Os preços dos ovos subiram fortemente na semana passada, interrompendo as baixas observadas desde o início de novembro. Na última semana, segundo dados do Cepea, as altas chegaram a 15% nas regiões paulistas de Bastos e Guararapes/Mirandópolis. Além do aquecimento da demanda com o recebimento de salários e a proximidade das festas de final de ano, o volume ofertado também diminuiu, contribuindo para elevar as cotações.

Alguns produtores, principalmente os de São Paulo, têm antecipado os descartes de poedeiras mais velhas, no intuito de evitar sobras expressivas em janeiro, quando a movimentação do mercado normalmente é mais lenta. Segundo agentes consultados pelo Cepea, a expectativa é que a demanda siga firme até próximo do Natal. Em janeiro, com as férias escolares, o consumo de ovos costuma diminuir, devido, entre outros motivos, à menor necessidade de abastecimento para merendas. Pesa, ainda, o forte calor desse período, que tende a prejudicar a produção e inibir o consumo. 

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário