Suíno Vivo: Após valorizações na semana, cotações fecham estáveis nesta 5ª feira

Publicado em 08/12/2016 17:18
58 exibições

O mercado de suíno vivo fechou com preços estáveis nesta quinta-feira (08). Apesar das cotações firmes, na semana foram registradas altas em grande parte das praças de comercialização, como em São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso. As altas correspondem às expectativas em relação as festividades de final de ano.

Segundo informações reportadas pela Scot Consultoria, houve uma procura maior por reposição dos animais à espera de um aquecimento na demanda nas próximas semanas – o que trouxe valorizações significativas ao mercado nos últimos dias. “A demanda ainda não teve a melhora esperada pelo setor, no entanto, a reposição de estoques esteve ativa, na expectativa de melhora nas vendas na ponta final da cadeia”, aponta a consultoria.

No atacado, o cenário também proporcionou alta de preços. Ainda segundo a Scot, na semana houve alta de 6,3% na carcaça especial em São Paulo, resultando numa referência de R$ 6,70 pelo quilo. A APCS (Associação Paulista de Criadores de Suínos) também informa que houve incremento para a carcaça suína nos últimos dias.

Já o Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), coloca que também há uma restrição na oferta de animais disponíveis, puxado pelas exportações de carne suína nos últimos meses. Em novembro, os embarques tiveram uma alta de 9,5%, totalizando 53,8 mil toneladas de carne suína in natura.

“Conforme pesquisadores do Cepea, os maiores embarques contribuíram para reduzir a disponibilidade interna, amenizando os efeitos da baixa liquidez no atacado e elevando as cotações”, explica o boletim.

» Clique e confira as cotações na íntegra para o suíno

Por: Sandy Quintans
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário