Alta do Índice da Embrapa de custos de produção de suínos ultrapassa os 50% no ano

Publicado em 15/12/2020 09:43 e atualizado em 15/12/2020 10:15 65 exibições
Desde janeiro, o investimento na alimentação dos animais subiu 45,23%

LOGO nalogo

A Embrapa Suínos e Aves divulgou o Índice de Custos de Produção de Suínos (ICPSuíno) referente a novembro, e os dados trazem mais um mês de alta para os inventimentos na atividade, principalmente com a nutrição dos animais. Em novembro, o índice ficou em 387,07 pontos, aumento de 9,67% em relação à setembro, alta de 50,35% desde janeiro e de 53,61% nos últimos 12 meses. 

Novembro foi o quinto mês consecutivo de altas expressivas no que diz respeito à nutrição dos animais, conforme a base de dados da instituição, mas neste mês de referência, aumento mais brando em relação ao anterior. Se em outubro, no comparativo com setembro, a alta nos custos com a alimentação dos suínos havia sido de 14,14%, em novembro, em relação a outubro, houve um avanço de 9,44% no quesito.

Em outubro, o investimento na alimentação dos suínos representava 80,79% do total de investimentos do suinocultor, já em novembro, este fator passou a valer 82,28% da fatia deste setor. Desde janeiro deste ano, o custo com a nutrição dos suínos aumentou 45,23%, e nos últimos 12 meses, subiu 48,30%.

Em Santa Catarina, principal Estado produtor de suínos, no comparativo com outubro, o custo de produção na suinocultura aumentou 9,72%, chegando a R$ 6,77/kg do animal. No caso da alimentação dos suínos no Estado, o avanço em setembro foi de 11,84% em relação ao mês anterior, atingindo R$ 5,57/kg.

custo de produção suíno embrapa novembro 2020

Tags:
Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário