Suínos: quarta-feira (26) de recuos nos preços do animal vivo

Publicado em 26/01/2022 16:53 152 exibições

Logotipo Notícias Agrícolas

O mercado de suínos nesta quarta-feira (26) seguiu a tendência desde o início da semana e fechou com cotações estáveis ou em queda. De acordo com análise do Cepea/Esalq, o preço do suíno vivo tem registrado queda intensa neste mês, causada pela combinação de vendas lentas e oferta elevada de animais para abate. 

A desvalorização expressiva se aliou à forte alta dos preços dos principais insumos consumidos na atividade, milho e farelo de soja, reduzindo drasticamente o poder de compra de suinocultores – a relação de troca por milho, especificamente, é a pior da história. 

Em São Paulo, de acordo com a Scot Consultoria, a arroba do suíno CIF ficou estável em R$ 88,00/R$ 100,00, assim como a carcaça especial, valendo R$ 7,35 o quilo/R$ 7,75 o quilo.

No caso do animal vivo, conforme informações do Cepea/Esalq, referentes à terça-feira (25), o preço ficou estável somente eno Rio Grande do Sul, custando R$ 4,39/kg. Houve baixa de 0,58% em São Paulo, chegando a R$ 5,11/kg, recuo de 0,47% no Paraná, atingindo R$ 4,23/kg, retração de 0,45% em Santa Catarina, valendo R$ 4,44/kg, e de 0,19% em Minas Gerais, fechando em R$ 5,18/kg.


 

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário