Exportação de carne suína completa duas semanas de maio com ritmo fraco, diz analista

Publicado em 17/05/2022 11:36
Resultados estão longe de atingirem os picos registrados em 2020 e 2021

Logotipo Notícias Agrícolas

De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Governo Federal, divulgadas nesta segunda-feira (16), as exportações de carne suína fresca, congelada ou resfriada até a segunda semana de maio (10 dias úteis) segue com resultados fracos, tendo em vista os picos atingidos nos dois anos anteriores.

O analista da SAFRAS & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, pontua que o valor atingido, olhando para o histórico de outros anos, é bom, mas reduziu em relação a 2020 e 2021. "Nos preocupa porque as margens estão muito apertadas, preços internacionais em queda, e a China que não dá sinais que vai comrpar mais no curto e médio prazo", afirmou. 

A receita obtida com as exportações de carne suína até o momento, US$ 78.486,73, representa 33% do montante obtido em todo maio de 2021, que foi de US$ 238.045,885. No caso do volume embarcado, as 33.357,918 toneladas representa 36,5% em relação ao total exportado em maio do ano passado, quantia de 91.386,282 toneladas.

O faturamento por média diária por enquanto neste mês foi de US$ 7.848,673 quantia 30,8% menor do que maio de 2021. No comparativo com a semana anterior, houve recuo de 17,6%.    

No caso das toneladas por média diária, foram 3.335,7918, houve desvalorização de 23,3% no comparativo com o mesmo mês de 2021. Quando comparado ao resultado no quesito da semana anterior, observa-se queda de 22,2%.

Já o preço pago por tonelada, US$ 2352,866 até o momento, é 9,7% inferior ao praticado em maio passado. O resultado, frente ao valor atingido na semana anterior, representa alta de 6%.

 

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário