Suínos: cotações do animal vivo caem forte nas principais praças nesta quarta-feira (18)

Publicado em 18/05/2022 16:25

Logotipo Notícias Agrícolas

Esta quarta-feira (18) foi de queda generalizada especificamente para o suíno vivo. De acordo com análise divulgada pelo banco Itaú BBA, o destaque fica para a dificuldade de sustentação dos preços da carne suína, que aumentaram na primeira semana do mês e agora apresentam queda. Este desafio está relacionado à resposta da demanda à fatores favoráveis ao consumo do produto, como temperaturas mais baixas e a alta competitividade frente à carne bovina e a de frango.

Em São Paulo, de acordo com a Scot Consultoria, a arroba do suíno CIF ficou estável em R$ 103,00/R$ 113,00, assim como a carcaça especial, custando R$ 8,30 o quilo/R$ 8,70 o quilo.

No caso do animal vivo, conforme informações do Cepea/Esalq, referentes à terça-feira (17), houve queda de 5,52% no Paraná, custando R$ 4,96/kg, baixa de 3,01% no Rio Grande do Sul, valendo R$ 5,15/kg, retração de 2,64% em Minas Gerais, alcançando R$ 6,27/kg, recuo de 2,09% em Santa Catarina, atingindo R$ 5,16/kg, e de 1,67% em São Paulo, fechando em R$ 5,89/kg.
 

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário