Arroz: liquidez é baixa, mas média de fevereiro é a maior para o mês

Publicado em 04/03/2020 11:41
94 exibições

A comercialização de arroz em casca esteve lenta no mercado interno na maior parte de fevereiro – no início do mês, os valores praticados no Rio Grande do Sul atingiram recordes nominais na série histórica do Cepea, afastando compradores da comercialização no restante do período. Assim, a partir da segunda quinzena, os negócios efetivos foram pontuais, e ocorreram de acordo com a necessidade desses agentes, bem como dos vendedores que ainda detinham o grão. Além disso, a colheita se intensificou na última semana do mês, que, neste ano, foi período de carnaval de Brasil, o que manteve parte dos agentes fora de mercado. Nesse cenário, o Indicador ESALQ/SENAR-RS, 58% grãos inteiros (média ponderada) recuou 3,2% no acumulado de fevereiro (31/1 – 28/2), fechando a R$ 49,53/sc de 50 kg no dia 28. Mesmo assim, a média de fevereiro, de R$ 50,52/sc, foi 1,9% superior à de janeiro e, ainda, a maior para o mês na série histórica do Cepea.

Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário