Análise de mercado do feijão

Publicado em 15/01/2009 16:09 1069 exibições

FEIJÃO CARIOCA: Após a grande entrada em São Paulo na segunda-feira esta semana foi até agora de poucas novas entradas. As mercadorias armazenadas na zona do Brás e no interior de São Paulo vão dando conta da pequena procura registrada esta semana. A região de Rio Verde segue atendendo a demanda nordestina por feijão comercial. O grande desafio segue sendo onde encontrar feijão extra  sendo que o nota 9 e 10 são os produtos que efetivamente o mercado deseja. A pressa em manter estoques deu lugar em toda a cadeia ao desejo de diminuir  estoques. Certamente esta situação propiciará quando chegar a hora uma alta mais consistente com efetiva menor oferta de feijão em algum momento antes da safrinha. Mais uma vez os números divulgados oficialmente estão totalmente em desacordo com a realidade. Da safra de Santa Catarina prevista pela Federação da Agricultura daquele estado com quebra em 50% a CONAB com um levantamento risível.


FEIJÃO PRETO: O mercado de feijão preto está calmo e alguns compradores já perceberam que uma vez o preço estabilize vão imediatamente formar estoque para enfrentar 60 dias sem absolutamente nenhuma oferta. Isto irá ocorrer tão logo seja encerrada a colheita do feijão no Paraná e norte de Santa Catarina. A recomendação dos melhores operadores é que se forme algum estoque neste momento. O preço pago ao produtor paranaense está ao redor de R$ 135,00 - R$ 145,00. Abaixo deste valor o próprio produtor provavelmente irá esperar para negociar.  


Fonte: Correpar

Tags:
Fonte:
Correpar

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário