Preços altos no RS, mas pouca disponibilidade de trigo em grão

Publicado em 29/06/2011 08:59 376 exibições
As cotações estão subindo, no interior do Rio Grande do Sul: o preço médio proposto pelos compradores (moinhos) para aquisição da tonelada de trigo brando é de R$ 480,00 FOB para o produtor, mas ele pede, no mínimo, R$ 500,00. Já o trigo pão, que lá se chama trigo raiz segregado, está tendo preço de comprador a R$ 510,00, com vendedores pedindo R$ 520,00 FOB. Estes preços se devem à falta do produto: os moinhos não estão conseguindo trigo brando para fabricação de farinha comum, que está em falta no país, e que é a base para a produção de biscoitos recheados. E não há como substituir, nem por trigo de outra região do país, porque o estado é o maior produtor, nem por importação, porque ficaria inviável, uma vez que nem Argentina, nem Uruguai ou Paraguai produzem este tipo de trigo. Somente Estados Unidos, França e Rússia teriam condições de acudir, mas a preços exorbitantes, que tornaria inviável a relação do custo/benefício. Os negócios são raros e caros justamente porque existe muito pouca disponibilidade de grão nesta época, diante da grande exportação feita nos meses de janeiro, fevereiro e março último.
Tags:
Fonte:
Trigo & Farinhas

1 comentário

  • joao luiz ryzik floresta - PR

    colhemos uns dos melhores trigo ano passado ph 84 quando o normal é 78 ;não tinha comprador depois de 8 meses vendemos a 26 o saco;muito bem plantemos de novo pois tinhamos semente pensa num trigo; até dia 26 de junho; hoje acabo não temos mais trigo pra fazer bolacha agora vão ter que importa trigo de fazer bolacha tambem.kkk

    a o meu milho tambem ja era queimo 99,99%

    0