Exportações de arroz chegam a quase 200 mil toneladas em julho

Publicado em 09/08/2011 09:50 254 exibições
Em julho, o Brasil exportou, aproximadamente, 200 mil toneladas de arroz (base casca), acumulando um volume de 693,8 mil t exportadas nos cinco primeiros meses do ano comercial 2011/12 (que vai de março de 2011 a fevereiro de 2012), segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O saldo acumulado no ano comercial já é superior ao volume exportado em 2010/11 (quando foram exportadas 627,7 mil toneladas), sendo ainda bem maior ao alcançado no mesmo período do ano passado (de março a julho de 2010), quando o país vendeu 228,3 mil t de arroz ao exterior (um crescimento de 204%).

Ademais, o resultado positivo pode ser atribuído, em boa parte, ao sucesso dos leilões de Prêmio para Escoamento de Arroz (PEP de Arroz) realizados pelo Governo Federal (desde março já foram realizados 12 leilões de PEP, com oferta de 1,6 milhão de t e negociação de 1,2 milhão de toneladas), apesar da valorização do real frente ao dólar.

Cabe notar, ainda, que a média mensal de arroz exportado desde março é de 138,8 mil toneladas (base casca). Mantendo este patamar, será factível alcançar a previsão da Conab para as exportações de arroz em 2011/12 que é de 1,3 milhão de toneladas.  

Dentre os principais destinos das exportações brasileiras de arroz no ano estão: Nigéria (152,4 mil t), Senegal (99,1 mil t), Cuba (61,8 mil t), África do Sul (55 mil t), Gâmbia (43,9 mil t), Espanha (32,2 mil t), Benin (30 mil t), Suíça (29 mil t), Holanda (23,5 mil t), Serra Leoa (21,6 mil t), Mauritânia (18,7 mil t) e Haiti (11 mil t). Adicionalmente, houve predomínio do arroz parboilizado nas vendas externas do ano (39,9% do total), seguido de arroz quebrado (28,4% do total), do beneficiado não parboilizado ou branco (19,4% do total) e do esbramado (12,2% do total).

Já as importações de arroz (base casca), atingiram a marca de 92,4 mil t em julho. No período de março a julho importou-se 297,6 mil t, montante 26,6% menor do que no mesmo período do ano anterior (quando o Brasil importou 405,2 mil t de arroz).

Do total de arroz importado pelo país no ano comercial, 57,6% foi de arroz beneficiado não parboilizado (branco), 28,2% de arroz esbramado, 9,9% de arroz em casca e 8,8% de arroz beneficiado parboilizado. A principal origem das compras externas em 2011/12 é a Argentina (42,6%), seguida de Paraguai (19,3%) e Uruguai (19,3%). Somados, os países do Mercosul são responsáveis por 99,4% do total das importações de arroz do Brasil.

Tags:
Fonte:
Irga

0 comentário